Em espera

Já estamos no mês de agosto, e com certeza você acabou de pensar:

OMG!!! Jura? Mas, o que eu fiz mesmo nesse ano? Já estamos em agosto mesmo? Eu nem vi o tempo passar!

Esse ano está sendo bom pra mim, eu melhorei muito, uns 10% com certeza, rsrs.

Sabe aquela frase famosa de Santo Agostinho, “conhece-ti a ti mesmo”??? É isso que tenho feito. E nos conhecer é o princípio da nossa vida.

Saber o que quero, pelo que luto, o que posso deixar para trás, o que ainda aguento carregar e por quanto tempo suporto posso carregar. Seja o que for, um projeto, um sonho, uma meta, uma pessoa.

Quando refletimos sobre nossas escolhas, se estamos acertando ou errando conosco ou com os outros. Vemos com mais clareza se percorremos no caminho certo.

As vezes, precisamos parar, respirar, refletir um pouco. Só assim, saindo do piloto automático, podemos vê a vida de um ângulo diferente do habitual.

Esse ano fiz algumas mudanças na minha caminhada. Fiz uma limpeza na mente e no coração. Deixei algumas coisa para trás, pois já não eram compatível com meu eu atual, outras eu agreguei. Deixei de me importar muito com uns, passei a me importar com outros. E principalmente, deixei de me importar.

Não que eu tenha ficado com o coração de gelo, não é isso. Mas quando deixamos de nos importar com a opinião alheia, passamos a olhar mais para nós mesmo, damos valor a nossa própria opinião; o que sentimos e o que queremos vira prioridade.

Sinceramente, deve ser isso que no fundo queremos;  Ser. 

Ser nós mesmos.

Ser nossas escolhas.

Ser nossa opinião.

Ser mais, e estar menos.

O SER é eterno, o ESTAR é passageiro.

Reveja suas metas.


#STAG 7 coisas para 2017

O post de hoje é um desafio criado pelo QG dos Blogueiros em parceria com a designer Letícia Porto. O QG desenvolveu a #STAG, uma TAG com premiação e divulgação com o tema “7 Coisas para 2017”, caso queira participar e concorrer ao brinde ou ganhar uma divulgação no site do QG, só entrar no site e dar uma lida e como funciona (http://www.qgdosblogueiros.com/7coisasem2017/)

Bom “metas” é uma palavra que realmente não faz parte do meu dicionário, é simplesmente uma utopia, rsrs.

Bom mas vamos aos trabalhos porque 2017 está bombando, hoje é dia 10 de janeiro(por sinal niver de mamys) e pra falar a verdade já vi tanta coisa estranha acontecer, até terremoto teve na minha cidade, cruzes.

7 METAS PARA 2017

1 – Esse ano meu projeto social sai do papel.

O que está faltando mesmo é coragem de levantar a bunda da cadeira e agir, por que as ideias estão a todo vapor na minha cabecinha.

2 – Ser mais organizada.

Confesso que esse é o mais difícil, eu não sou nada organizada no sentido de datas e horários sou um “zero” a esquerda, adoro agendas, mas elas não cumpre o seu papel na minha mão. Acho que a única coisa que organizo são meus livros, meche neles pra ti vê.

3 – Ir mais a praia

Bom eu moro em uma ilha  e o que não falta aqui é praia, mas a preguiça não me deixa desfrutar mais desse carinho que Deus me deu. O que me impede também, é, ir a praia com quatro crianças não é nada fácil. Mas essa é uma meta que estou bem disposta a cumprir.

4 – Fazer atividade física

Eu sou bem magra por isso tenho vergonha de ir pra academia, kkkk. O que eu queria mesmo era fazer Pilátes, mas é muito caro, fora do orçamento, pra falar a verdade, não gosto de academia, prefiro outras atividades como caminhada, mas meu bairro e perigoso.

5 – Aprender a cozinhas

Não é que eu não saiba fazer um arroz e fritar um ovo, mas eu não gosto de cozinhar, meus filhos sofrem, meu marido até tenta me animar dizendo “você sabe cozinhar, você tem é  preguiça de cozinhar amor”, kkk. Mas esse ano prometi para os meus filhos que vamos fazer muitas receitas, kkkkkkkkkkkk.

6 – Montar minha coleção de André Luís psicografado por Chico Xavier

Essa meta veio do ano passado arrastada, todos aqui sabem que eu  sigo a Doutrina Espirita há dois anos, eu não sou o tipo de pessoa que acredita em tudo que me falam então, procuro estudar, mal de leitor, rsrs. Mas esse ano sai da lista, ô Pai ajuda ai são só 13 livros.

7 – Escrever mais no blog

Meu blog começou por acaso, como se fosse um diário porque eu estava muito triste na época. Estamos fazendo aniversário de 1 ano dia 19 de janeiro, aceito presentes. Mas a coisa tomou uma proporção que eu não esperava, mas confesso que sou um pouco relápcia. Mas é porque eu falo da vida real, então eu tenho que viver experiências pra poder escrever, eu só escrevo quando sinto, não tenho datas nem cronogramas. Voltando a frase lá de cima, metas não fazem parte do meu cotidiano.

Então é isso gente, ano que vem vamos vê se eu consegui cumprir essas metas que não deixam de ser desafios pra mim.

BJOÃOOO

Tatiane Silveira

#GOQG #QGdosBlogueiros  #Terapiadavidareal #TatianeSilveira