Escrevo estas linhas porque…

Anúncios

Nem sei o que colocar!

As coisas estão bem difíceis aqui no Brasil. 

É tanta gente querendo trabalhar, mas não tem emprego. 

Tanta gente desempregada, é triste de vê. 

As notícias só nos trazem decepções, não confiamos mais na política, não sabemos mais se somos iguais perante a lei. 

E tanta corrupção que nem sei dizer.

Escuto meu filho dizendo que quer lanchar, e tremo ao ter que dizer a ele pra esperar a hora da refeição e que eu sei que ainda vai demorar.

Só tem uma solução: Esperança que a vida vai melhorar.

Um dia vai melhorar.

Chora escondido a noite e deixa o travesseiro enxugar. 

Amanhã é um novo dia, não esquece de levar a esperança no coração.

Tag 10 coisas estranhas do meu 2017

Como as Tags estão excassas esse ano, vou inventar uma, rsrsrsrs.

Então vamos lá. As 10 coisas loucas que aconteceram comigo  em 2017. Vale qualquer seguimento da vida. Relacionamento, família, planos, enfim “vida” né minha gente, que é nossa especialidade, aham. 

Simbora.

  1. Esse ano foi meio louco, mas uma coisa muito mara que aconteceu, eu fui no show do Luan Santana  na minha cidade(incrível porque aqui não tem shows assim). Eu vi o Luan bem de pertinho aiiiii meu coração.
  2. Comecei a fazer meditação. Eu sempre ouvi e li sobre o poder de meditar, mas nunca tinha parado para começar.
  3. Quem é mãe se preocupa muito com a saúde dos filhos. Meu filho estava com suspeita de leucemia. Ai gente! Foi desespero, ainda bem que eu sou tranquila. Mas, graças a Deus não foi diagnosticada. Está tudo bem com ele.
  4. Caraca! Ganhei um sorteio no Instragram(a primeira coisa que ganhei em sorteio na minha vida)
  5. Comecei a não está nem ai para o que os outros pensam de mim(chega).
  6. Me separei definitivamente(chega de relacionamento abusivo).
  7. Estou procurando emprego depois de nove anos só me dedicando aos filhos.
  8. Eu não gosto de vendas. Me acho muito ruim nisso. Mas não é que tomei gosto bela bendita.
  9. Minha irmã está grávida, ainda bem que estou viva pra vê isso.
  10. Conclui algumas coisas pendentes, metas que venho arrastando com a barriga, enfim.

Então é isso minha gente. Espero que goste e está aberto a TAG para quem quiser fazer. Mas pra não perder o costume vou indicar uns amigos, hahahaha

loucuras de Julia

gio

Joy

aleatória

Imagem(larosablanca)

    Meu jeitinho cacto de ser

    Sabe como você sabe que você mudou? 

    Naquele momento em que você consegue não fazer uma coisa qualquer que você está acostumado a fazer, tipo um hábito.

    Eu sou uma pessoa muito impossiva. Boca nervosa, minha boca é tão rapida que age mais rápido do que meu cérebro, acredita? É automático! É tipo: bateu levou na mesma hora.

    Mas essa semana eu fiquei extremamente surpreendida comigo. Uma pessoa me deu uma resposta atravessada e eu simplesmente calei e chorei. Tipo, anhhhhhh, como assim?

    Mas a verdade é que eu não senti vontade de ser agressiva com a pessoa o que seria normal no mei comportamento, eu não sou boa de porrada, mas minha língua é felina e tem veneno de cobra.

    À um tempo eu venho tentando mudar, não pelos outros, por mim mesma. Cansei de me defender dessa forma. Cansei de vingança, cansei de ser assim. Mas não é nada fácil, é quase impossivel mudar um hábito.

    É um trabalho árduo, de muita leitura, estudo, renúncia, horas de meditação e mindfulness. Poderia dizer que é engolir uma faca. Sim as facas que quase saem mas quando chega na língua ela da meia volta. E doi! Doi muito, porque é se autoflagelar, sim. Parar o ego doi.

    Três anos meus caros. À três anos eu venho tentando fazer uma reforma íntima. Acho que estou no caminho, depois de três anos minha primeira Vitória. É, Vitória com letra maiúscula porque a primeira vez a gente nunca esquece né mesmo minha gente?

    Então se você está assim como eu, tentando mudar seu “jeitinho cacto” de ser, persista e não desista, rsrsrs um dia a gente chega lá!

    Imagem psici.online