Quando o casamento se torna um peso

Ah, casar é o sonho de toda mulher(vírgula)!

Quando vejo alguém dizer – Ah se eu soubesse no passado o que sei hoje não teria feito isso/aquilo dessa/daquela forma!

Meu amigo é a pura verdade, a experiência nos abre os olhos e vemos que alguns sonhos quando se deparam com a realidade é outra história. Não estou aqui generalizando que casamento não presta, sim algumas pessoas iluminadas têm esse privilégio de encontrar a alma gêmea dessa ou de outra vida,(Nosso amor nasceu em outras vidas, eu vou te amar nas outras que virão-Jorge e Mateus).

Mas a parte do casamento que eu quero falar  é a mais difícil, o fim. E quando o fim não quer/pode ser “o fim”. Ai que tá o problema meus amigos, por na balança tudo que envolve esse doloroso desfascelamento de divisões, desmembramentos, egoísmo e todos os bichos que veem a tona nesse momento.background-branco

O coração está despedaçado, a conta bancária nem se fala, os filhos, a casa, a empresa tudo vira moeda de troca e se não bastasse, a amizade entre essas duas pessoas que um dia disseram “eu te amo do tamanho do infinito e eternamente” foi tudo por água abaixo.

Quando um relacionamento acaba, nos sentimos uma droga, um nada, um inútil, um incapaz. Nos culpamos por não termos conseguido fazer o outro “feliz” e essa é uma sensação indescritível, é uma dor imensa que nós sufoca, e vem aquela vontade de chorar ou por raiva ou por ainda gostar do outros.

Mas manter um relacionamento pela conveniência, pelos filhos, pelo que os outros vão pensar é uma tremenda bobagem só trará mais raiva, mágoas e ressentimentos, é um desequilíbrio físico e mental, uma carga muito pesada para todos os envolvidos

Essa dor é uma mistura de raiva, carência, mágoa, vontade de sumir, vontade que o outro se ferre. Quando vemos nosso sonho de mar de rosas se transformar em espinhos é muito triste.

Acho que a melhor coisa a se fazer nesse momento e é a coisa mais difícil a se fazer é PERDOAR. Perdoar a si mesmo em primeiro lugar e perdoar o outro, porque para receber é preciso primeiro dá. É perdoando que se é perdoado como disse Francisco de Assis.

Perdoar é se libertar e dá liberdade. É curar uma ferida no coração e na alma, é tirar o peso do mundo de nossas costas.

Esses dias eu ouvir uma frase, não me lembro agora onde, mas ela diz o seguinte: “A alegria é a única coisa que podemos dá sem ter”, e eu achei isso tão lindo que me marcou profundamente, e é assim que devemos continuar nossa passagem por esse planeta tão lindo que eu amo. Distribuindo alegria mesmo estando um caco por dentro.

Coragem que hoje é segunda-feira! – Chico Pinheiro

#frasesdatati ❤

Anúncios

Sua opinião é muito importante, me escreva.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s